Quarta, 19 DE janeiro DE 2022

Estresse nos professores: Como melhorar

Publicado em:

29 de
nov
Categorias: Sociedade.

Um dos principais problemas que os docentes de todo o mundo enfrentam nos dias de hoje é o estresse dos professores. 

 

Esse estresse é normalmente causado porque não é fácil ter que lidar com uma turma, muitas vezes constituída por crianças em idade de socialização, que nem sempre estão tão dispostas assim a facilitar o trabalho de quem está lecionando. 

 

Além disso, também são agravantes para esse estresse a carga horária de trabalho (que normalmente é bastante alta) e o fato de que essa é uma profissão que nem sempre é valorizada.

 

Nesse contexto, pensar em te ajudar com dicas pontuais sobre como você, professor, pode melhorar a sua qualidade de vida e diminuir, assim, os níveis de estresse que a profissão pode te fazer, trouxemos este artigo. 

 

Nele, você vai encontrar algumas boas práticas que podem ser adotadas com o intuito de diminuir os níveis de estresse. Portanto, confira abaixo e escolha quais são as que mais vão te ajudar! 

Dica 1: não tenha medo de dizer a palavra “não”


O ato de ensinar é mais do que simplesmente falar ou escrever sobre o conteúdo em sala de aula: os professores precisam ter uma relação amigável com a turma e, muitas vezes, fazem isso utilizando a descontração como uma arma potente.

 

 No entanto, por causa disso, alguns alunos acabam abusando e ultrapassam os limites de autoridade que um professor tem em sala de aula.

 

Nesse contexto, a primeira dica deste artigo é que sempre que alguém ultrapassar algum limite que você impôs, não tenha medo de dizer os “não” que forem necessários, realmente busque impor a sua autoridade.

 

Lembre-se de que você é o professor na situação e que, por isso, você manda e os alunos devem obedecer. Assim, você vai economizar muito tempo e saúde mental tentando lidar com as repercussões que esse tipo de relacionamento pode trazer. 

Dica 2: utilize o bom humor como uma arma positiva durante as suas aulas


Muitos dos jovens quando estão em sala de aula se sentem desmotivados, pois não conseguem aprender o conteúdo ou então apenas por terem que passar horas sentados em uma cadeira esperando que um professor despeje informações em cima dele. 

 

Além disso, há muita pressão para ingressar na faculdade ou até mesmo em algum concurso público.

 

Nesse contexto, o uso de piadinhas pode ajudar a criar um clima mais leve e de descontração entre a turma, o que você também pode se beneficiar, pois, assim, diminui os níveis de estresse.

 

No entanto, tenha cuidado ao fazer essas piadas. Isso porque fazer comentários depreciativos sobre a roupa, cabelo, sotaque, aparência física, aspectos intelectuais, entre outras coisas, de alguém, é bullying e isso não é legal. 

 

Sendo assim, enquanto estiver preparando a aula, já pense com cuidado sobre quais serão as piadas que você vai utilizar.

Dica 3: crie uma rede de apoio com os seus colegas de profissão


Para diminuir o estresse causado pelo trabalho, nada melhor do que criar um ambiente que seja positivo para todas as pessoas que estão nele. 

 

Assim, uma dica muito importante é que você busque nos seus colegas uma rede de apoio para conseguir transformar a escola em um ambiente menos estressante. 

 

Para isso, por exemplo, vocês podem se juntar para tomar um café durante o intervalo e conversar sobre amenidades, podem trocar experiências sobre o comportamento das turmas e muito mais.

Dica 4: incentive a criação de grupos de estudo


Outra dica que você pode utilizar para diminuir o estresse da sua profissão é incentivar que os alunos criem grupos de estudos. 

 

Esse tipo de abordagem pode ser bastante útil devido ao fato de que esses grupos são constituídos pelos próprios alunos com o objetivo de se ajudarem a entender o conteúdo que está sendo ministrado na sala de aula. 

 

Sendo assim, o principal ponto deles é fazer com que o aluno entenda o conteúdo de forma mais fácil e que ele fique estimulado a aprender mais na sala de aula.

 

Nesse contexto, para o seu estresse, a existência de grupos de estudos pode ser bastante positiva devido ao fato de que eles podem diminuir a sua quantidade de trabalho, podem fazer com que os alunos estejam mais empenhados para assistir as suas aulas, podem ajudar a turma a gostar de estudar e muito mais. 

 

Assim, você pode diminuir o seu nível de estresse com a ajuda dos alunos.

Dica 5: foque no seu bem-estar


Como dito na introdução deste artigo, um dos motivos pelos quais muitos professores mantêm os níveis de estresse bastante altos está no fato de que eles trabalham muito (existe uma rotina que começa na sala de aula e termina em trabalhos para casa). Por esse motivo, se você deseja ter uma rotina mais relaxante, uma dica é organizar-se para que isso aconteça na sua vida.

 

Por exemplo, defina um horário máximo para você encerrar as suas obrigações diárias, tire um momento da semana para relaxar (seja para sair com os seus amigos, assistir um filme, ficar com os seus filhos, comer fora ou qualquer coisa que te proporcione prazer). 

 

Assim, você vai adicionar doses de endorfina na sua rotina e conseguirá sentir-se bem no seu dia a dia.

Dica 6: cuide de si próprio


Além de tirar um tempo para se divertir, como ato de auto cuidado, é muito importante que você foque em adotar hábitos saudáveis.

 

Por exemplo, uma dieta rica e diversificada, e exercícios físicos podem fazer com que você tenha mais disposição para enfrentar o dia a dia de trabalho, podem te ajudar a conseguir liberar endorfina e muito mais.

Dica 7: sempre que possível, utilize a tecnologia


Foi-se o tempo em que a sala de aula se resumia em lápis e quadro. Atualmente, a internet oferece uma gama de ferramentas que podem ser usadas para fazer com que o seu dia a dia se torne cada vez mais fácil. 

 

Por exemplo, você pode utilizar plataformas online para aplicar exercícios e, assim, diminuir a sua carga de correção de provas; pode utilizar um banco de questões online e não precisar elaborar provas e mais.

Dica 8: utilize ao seu favor todos os recursos que são oferecidos


Seja em uma escola pública ou particular, são oferecidos para os professores diversos recursos com o intuito de facilitar a vida de quem trabalha na docência. Nesse contexto, uma dica é pesquisar junto à escola quais são esses recursos e como fazer para ter acesso a eles.

 
[comment-form]

 

Outras Notícias

Saiba 6 estratégias do marketing para captar clientes que realmente compram
6 Cuidados recomendados durante a gestação
Político evangélico, Anthony Garotinho é a favor da legalização dos cassinos no Brasil
Hidrojateamento, o que é e como funciona
7 dúvidas mais comuns que as pessoas têm sobre poços artesianos