Domingo, 28 DE novembro DE 2021

Ex-assessor do presidente Michel Temer, é preso pela a Federal em São Paulo

Publicado em:

29 de
mar
Categorias: Justiça e Notícias. Tags: Brasil, Federal, Justiça, Noticia, Policia, Presidente, STF e Temer.

Amigo e ex-assessor do presidente Michel Temer, o advogado José Yunes foi preso temporariamente pela Polícia Federal (PF) na manhã desta quinta-feira (29/3) em São Paulo. A decisão foi autorizada pelo ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF). As informações são do Blog da Andréia Sadi. O dono da Rodrimar, Antonio Grecco, também foi preso, na investigação que apura se a empresa dele teria sido beneficiada por decreto presidencial para o setor de portos.


A prisão de José Yunes tem validade de cinco dias. Em nota, a Polícia Federal afirmou que não vai se pronunciar sobre o caso, por determinação do Supremo. O advogado José Luis Oliveira Lima, que defende Yunes, divulgou nota para comentar a prisão do seu cliente.


"É inaceitável a prisão de um advogado com mais de 50 anos de advocacia, que sempre que intimidado ou mesmo espontaneamente compareceu à todos os atos para colaborar. Essa prisão ilegal é uma violência contra José Yunes e contra a cidadania", escreveu.


Yunes pediu demissão do cargo de assessor especial da Presidência da República em dezembro de 2016, após ter sido apontado pelo operador financeiro Lúcio Funaro, delator da Operação Lava-Jato, como um dos responsáveis por administrar propinas supostamente pagas ao presidente Michel Temer.


Segundo a delação, a lavagem de dinheiro era disfarçada com investimentos de valores ilícitos na incorporadora imobiliária de Yunes. Com informações da Agência Estado



Portal: Globo Expresso.Com


[comment-form]

 

Outras Notícias

5 dicas de como economizar para viajar
Tire suas dúvidas sobre o uso das cadeias de consagração
Saiba tudo sobre as carabinas de pressão
Benefícios de tomar água com limão diariamente
O que não pode faltar dentro de um projeto de obra