Domingo, 28 DE novembro DE 2021

Kaylee de 10 anos e autista, cantou Aleluia e público foram as lágrimas

Publicado em:

13 de
jan
Categorias: Populares e Radar. Tags: Gospel, Kaylee Rodgers, Mundo, Música e Notícias.

“Os filhos são herança do Senhor, uma recompensa que ele dá. Como flechas nas mãos do guerreiro são os filhos nascidos na juventude. Como é feliz o homem cuja aljava está cheia deles! Não será humilhado quando enfrentar seus inimigos no tribunal.” (Salmos 127:3-5).


Kaylee Rodgers, uma menina de 10 anos que frequenta a Killard House Special School na Irlanda do Norte, surpreendeu o mundo on-line com uma bela interpretação de “Aleluia”. Uma versão cover do clássico original de Leonard Cohen, apresenta letras revisadas compartilhando o verdadeiro significado do Natal e tudo o que Jesus realizou para nós.


“Kaylee sempre adorava cantar, mas foi só quando ela começou na Killard House School que ela realmente se interessou”, diz Tracy, sua mãe.


A coisa fantástica sobre esse desempenho é que ele não é apenas poderoso porque tem apenas 10 anos de idade. E não é apenas poderoso porque ela está lidando com autismo e TDAH. É poderoso porque ela é boa – muito boa. Sensacional de fato! As crianças são bênçãos de Deus! Jesus ama as preciosas criancinhas.


As pessoas estão bastante surpresas com o quão bem ela se apresenta apesar de seus contratempos. Estou muito surpreso com a forma como ela se apresenta e leva seu coro da escola em uma interpretação tão maravilhosa da música que já foi vista por mais de 8 milhões de pessoas. Não consigo imaginar os desafios que ela superou e admiro sua tenacidade e determinação para nunca desistir.


De acordo com a National Autistic Society do Reino Unido, “o autismo é uma deficiência vitalícia que afeta como uma pessoa se comunica e se relaciona com outras pessoas e como elas experimentam o mundo ao seu redor”, mas crianças como Kaylee nunca deixam de surpreender as pessoas ao seu redor.


Eu acredito que Kaylee não seria quem ela é agora sem as pessoas que a incentivam e apóiam ao longo do caminho. Eu ouvi muitas histórias e lutas sobre o autismo e sei que não é fácil. É por isso que tenho tanto respeito por pessoas como Kaylee que não permitem que suas circunstâncias as definam, e ainda assim escolhem ser gratas.



gospelmund.com


[comment-form]

 

Outras Notícias

5 dicas de como economizar para viajar
Tire suas dúvidas sobre o uso das cadeias de consagração
Saiba tudo sobre as carabinas de pressão
Benefícios de tomar água com limão diariamente
O que não pode faltar dentro de um projeto de obra