Sábado, 04 DE dezembro DE 2021

Mãe faz alerta urgente para os pais: proteja seu filho do Momo Challenge

Publicado em:

27 de
fev
Categorias: Mais Lidas, Polêmicas e Radar. Tags: Internet, jogos, Momo Challenge, Mundo e Notícias.

 "Os pais têm de dizer o que está acontecendo, que está aparecendo uma bonequinha, que se ela aparecer o filho deve avisar. Tem de ser direto", orienta especialistas. É preciso explicar para a criança que a Momo não existe, que não é para ouvir o que ela fala, pois ela diz coisas erradas e que nada de ruim vai acontecer, nem para os filhos nem para os pais. "É preciso deixar claro que se trata de uma invenção, de um mentira, que não é para acreditar nela."


Lyn Dixon, uma mãe britânica, ficou desesperada e está pedindo para os pais protegerem seus filhos após ver uma série de instruções dadas pelo contato Momo Challenge (Desafio da Momo, em tradução livre) no celular do filho, de apenas oito anos. A mais chocante era bem diferente: "pegue uma faca e enfie no seu pescoço". Segundo ela, seu filho é um dos que foram envolvidos no jogo sinistro representado pela Momo e veiculado em plataformas como WhatsApp, YouTube e Facebook.



Lyn afirmou ao jornal escocês Daily Record que soube que seu filho estava em problemas quando ele "não queria ficar sozinho" e ficou "com medo do escuro". "Ele me mostrou uma imagem no telefone e disse que ela havia escrito que deveria abrir a gaveta da cozinha, pegar uma faca e colocar no pescoço", afirmou Lyn. "Não sei quem manda esse tipo de coisa, mas é um conteúdo horrível", continuou.


A Momo surgiu como um meme assustador que logo se mostraria não apenas sinistro, mas um caso dos perigos da vida moderna. Ela é noticiado como um jogo de suicídio para jovens, similar ao jogo da Baleia Azul, ligada a várias mortes ao redor do mundo. Mas como algo macabro do tipo surge? Explicamos toda a origem do terrível jogo da Momo.


Toda lenda precisa de uma imagem e da momo é essa mulher assustadora, com olhos esbugalhados com traços grotescos. Parece uma personagem de mangá de terror.



A imagem é tirada de uma boneca conhecida como 'Mother Bird" (Mãe pássaro), criada por um artista japonês e exposta na galeria de arte Vanilla, em Tóquio. Na imagem, um turista tira foto perto dela. O que era apenas uma imagem bizarra, se tornou macabro: em um grupo no Facebook surgiu o desafio de começar a se comunicar no WhatsApp com uma pessoa desconhecida, segundo a Unidade de Investigação de Delitos Informáticos de Tabasco, no México.



Foi desse grupo que surgiu a Momo, um número que respondia para usuários com desafios sinistros e ameaças. O desafio se espalhou para o Reddit e outros fóruns, que espalharam o número por diversos países. Segundo usuários do Reddit, é muito provável que a origem do meme seja em um país de língua espanhola.



A primeira morte relacionada ao caso, ainda em julho, levou autoridades do mundo inteiro a iniciar uma campanha para impedir que o jogo continuasse se espalhando. Mensagens de autoridades na Espanha, Argentina e Índia afirmaram para nunca responder mensagens vindas dela.


Especialistas afirmam que, como se trata de um meme e lenda urbana, qualquer um pode ser a Momo e é provável que a "brincadeira" saia do controle antes de finalmente acabar. Além de pessoas utilizarem a prática para roubar dados dos participantes dele. Mas hoje ele não possui limites: existem diversos números associados com o meme bizarro, como aponta uma investigação do jornal Mirror.


Controle do conteúdo

Não deixar que as crianças naveguem por onde bem entenderem é dever dos pais. "A gente tem vários meios de prevenir isso, ativar as configurações de segurança e controles parentais. Os pais não precisam deixar de trabalhar para monitorar isso, os links a que as crianças têm acesso chegam no celular. É só configurar". É importante, segundo a especialista, que os pais alertem seus filhos sobre possíveis interrupções nos vídeos ou jogos. "A recomendação de não falar com estranhos, não aceitar bala de desconhecidos, vale também para a Internet. Os filhos têm de saber que não podem dar dados, não podem falar com quem não conhecem". Crédito ao R7.



gospelmund.com


[comment-form]

 

Outras Notícias

5 dicas de como economizar para viajar
Tire suas dúvidas sobre o uso das cadeias de consagração
Saiba tudo sobre as carabinas de pressão
Benefícios de tomar água com limão diariamente
O que não pode faltar dentro de um projeto de obra