Blog / Dicas

O marketing moderno no setor financeiro: saiba como usar estratégias atuais nesse segmento

O mundo da publicidade é dinâmico, arrojado e sempre busca se diferenciar de outras áreas bem como atender da melhor forma o público consumidor, considerando as mudanças de consumo. Isso apresenta diversas vertentes, como o aprimoramento junto ao marketing moderno

Com o avanço da tecnologia, o acesso à internet e diferentes equipamentos eletrônicos, a sociedade é inundada de publicidade dos mais variados tipos e formatos, atendendo aos anseios do consumidor de uma forma despojada e cada vez mais direcionada.

De acordo com as táticas que são aplicadas, o público demonstra boa recepção, sendo muito bem vistas, direcionando o público para uma jornada de compra – promovendo novos clientes para as marcas. 

Consequentemente, também consegue-se realizar campanhas e estratégias de divulgação com orçamentos mais flexíveis, possibilitando que mesmo pequenas empresas consigam se posicionar e alcançar o público de forma assertiva.

Em se tratando do marketing moderno no mundo financeiro, principalmente no século XXI, ficou claro que um foco tradicional no produto não é mais a fórmula ideal para bancos e outras empresas que estão inseridas nesse setor. 

Isso porque, as principais partes interessadas começaram a perceber que a experiência do cliente, como um escritório de administração de condomínios ou mesmo pessoas físicas no segmento de varejo, é tão importante quanto as ofertas da instituição. 

Com isso, houve uma mudança de direcionamento, fazendo com que as campanhas passassem a ser centradas nos potenciais consumidores e as necessidades apresentadas.

Isso é ainda mais verdadeiro na era digital, em que os consumidores tem mais opções – com o surgimento das fintechs – para comparação e buscar informações, sendo mais analíticos ao aplicar seus investimentos nas operadoras.

Isso levou muitos executivos a deixarem de aplicar uma abordagem de marketing focada no produto para uma estratégia de marketing centrada no cliente . 

Ao aproveitar a tecnologia certa e adotar uma abordagem de marketing moderno e operações voltadas para as facilidades do consumidor, as instituições financeiras obtêm uma vantagem competitiva significativa: a confiança do cliente.

A mudança que reflete em todo mercado

Muitos profissionais de marketing do setor de serviços financeiros estão inseridos em uma nova mudança no cenário mundial, até mesmo quem presta serviços de contabilidade preços convidativos junto ao mercado consumidor.

O ambiente solitário de bancos tradicionais e outros provedores de serviços financeiros está sendo invadida por empresas FinTech (Financial Technology) que oferecem soluções modernas baseadas em softwares.

Assim como as ofertas financeiras modernas, essas fintechs também contam com várias facilidades e estratégias de marketing modernas para alcançar os consumidores omnichannel dos tempos atuais, utilizando canais como:

  • Aplicativos personalizados;
  • E-mail marketing;
  • Redes sociais;
  • Sites corporativos.

Para acompanhar, os profissionais de marketing de serviços financeiros tradicionais, inclusive aqueles que atuam em processos relacionados à administração financeira, como um escritório de contabilidade em São Paulo, precisam reavaliar as próprias estratégias, desde as mensagens até a estrutura tecnológica que possibilita a divulgação e o contato com o consumidor.

As táticas a seguir podem ajudar a construir uma estratégia de marketing de serviços financeiros moderna, permitindo que as instituições permaneçam competitivas e atualizadas, mesmo que seja necessário que a empresa cresça e mude algumas visões.

  1. Aumento da demanda por integração de departamentos

As organizações do setor de serviços financeiros geralmente não têm visibilidade completa dos dados da organização devido à presença de silos de dados. 

Isso é causado por muitos fatores, incluindo um número crescente de fusões e aquisições que demandam um planejamento tributário em diferentes níveis de autoridade de dados e uma abordagem fundamentalmente descentralizada para coleta de dados. 

Como tal, é muito difícil para as instituições financeiras analisarem com precisão todos os dados. 

No entanto, a análise de informações digitais precisa e centralizada é essencial para criar campanhas de marketing integradas que criam experiências positivas para o cliente.

Por esse motivo, os profissionais da área de marketing devem construir pontes entre departamentos em toda a organização e vincular todas as disciplinas de uma equipe de marketing para unificar as informações. 

Com uma plataforma de análise de dados centralizada, cada equipe pode armazenar dados de marketing importantes em um único local, o que é favorecido por novos clusters e sistemas de integração.

Isso permite a união de dados em todas as linhas de negócios, quebrando silos de dados e permitindo tomadas de decisão avançadas que terão impacto no sucesso de toda a organização.

  1. Esforços Digitais

Uma das principais razões pelas quais os serviços financeiros precisam de marketing é construir confiança com os leads, ou seja, os clientes em potencial. 

Ao se engajar no uso das redes sociais, as instituições financeiras podem se conectar diretamente com clientes em potencial.

Com isso, desde pessoas jurídicas que vendem filtro de osmose reversa residencial e precisam ter necessidades específicas ao abrir a conta, até pessoas físicas que procuram por investimentos e formas de crédito, as operadoras podem responder a perguntas online de forma qualificada e ágil para cada um desses perfis, cativando-os.

Além disso, também dará à empresa a chance de ter mais controle da própria imagem e como ela é vista pelo mercado consumidor, tendo um melhor gerenciamento da identidade.

Ao criar um ambiente digital que envolva os consumidores diretamente, oferecendo valor de conteúdo, a empresa pode garantir que os clientes procurem a instituição em vez de outras marcas concorrentes.

  1. Medir o ROI de campanhas de marketing

Como as campanhas de marketing digital criam uma imensa quantidade de dados relacionados ao desempenho, os executivos da área de publicidade passaram a promover mais responsabilidade junto às equipes desse setor.

Sendo assim, os profissionais de marketing devem vincular dados de várias campanhas e definir quais mensagens funcionam com comerciantes e aqueles que projetam serviços de topografia, por exemplo, e quais são aquelas que precisam de ajustes. 

Isso geralmente ocorre no cruzamento de dados de vendas com os dados da campanha, usando métodos como métrica unificada de marketing.

Existem vários recursos que os profissionais de marketing devem procurar em uma plataforma de análise para garantir que o desempenho seja medido com precisão.

  1. Análise e relatórios de ROI 

Ao integrar a plataforma de análise com os sistemas de relatórios financeiros existentes , é possível determinar com precisão o ROI (Return Over Investiment), ou retorno de investimento.

Isso ajuda a demonstrar o valor real dos investimentos em marketing para a equipe financeira.

  1. Otimização online e offline

Os profissionais de marketing devem otimizar todos os posicionamentos de mídia e mensagens, sejam eles colocados online ou offline.

Muitas plataformas de análise de marketing podem acompanhar o desempenho de campanhas digitais, mas é necessário certificar-se de que a plataforma escolhida possa otimizar a divulgação offline, somando o esforço do marketing moderno junto ao tradicional.

  1. Rastreamento da marca

Ao rastrear as principais categorias, como reconhecimento da marca, intenção de compra e envolvimento do cliente, a empresa pode entender a trajetória da imagem da própria marca. 

Para auxiliar com esse processo, a plataforma de análise de marketing certa possui rastreamento integrado por meio de pesquisas ativas, ajudando a maximizar o ROI a longo prazo, como ocorre quando é aplicado em outros meios, como em estabelecimentos que instalam concentrador de oxigênio preço atrativo e competitivo.

4. Criação de conteúdo valioso para clientes

A criação de conteúdo está se tornando parte integrante das estratégias de marketing, com grande parte dos profissionais do setor de serviços financeiros relatando que as estratégias de conteúdo ajudam a gerar tráfego e construir relacionamentos com os clientes. 

No entanto, os profissionais de marketing não devem criar uma ampla variedade de conteúdo com base em uma ideia própria do que o consumidor deseja. Em vez disso, eles devem apoiar as estratégias de conteúdo com dados.

As organizações de serviços financeiros devem se concentrar na criação de conteúdo que ofereça valor real aos clientes.

Isso pode ajudar a aumentar o reconhecimento geral da marca e manter os usuários avançando nas etapas dos processos de venda, o pipeline.

A ferramenta de KPI (Key Performance Indicator) certa pode ajudar a identificar que tipo de conteúdo está repercutindo melhor com os clientes. 

Isso é obtido vinculando dados de pesquisa de atitude a dados de comportamento de vendas em nível pessoal. 

Ao observar essas relações, os profissionais de marketing podem aprimorar exatamente quais tipos de conteúdo precisam ser criados em cada fase do funil, para cada nicho do público e em cada grau de relacionamento – como para aqueles que tem perfil de ampliação de crédito até aqueles que podem aplicar em investimentos de risco mais arrojado.

A ascensão da personalização

O setor de serviços financeiros é um mercado cada vez mais competitivo, e a personalização oferece a oportunidade das organizações se diferenciarem e mudarem o foco para o cliente que produz etiquetas para produtos de limpeza em vez do produto financeiro em si.

Com isso, conteúdos informativos diversos podem ser desenvolvidos e o relacionamento qualificado com os clientes passa a ser valorizado. 

Com uma compreensão mais sutil de público-alvo, os profissionais de marketing podem criar experiências exclusivas para o cliente, fazendo com que atendam aos desejos e necessidades de cada usuário. 

As equipes de marketing devem considerar ferramentas que possam levar em consideração fatores lógicos e emocionais, de maneira específica, para determinar quais mensagens estão ou não funcionando e o porquê. 

Isso pode ajudar a facilitar os relacionamentos personalizados e a fidelidade do cliente, além de reduzir os custos de longo prazo relacionados aos esforços de marketing junto à equipe responsável.

Conclusão

O tempo não para e o que se vê são mais inovações surgindo, gerando mudanças positivas no setor financeiro, na forma de aplicação financeira e no relacionamento com os consumidores.

Além das marcas FinTech que estão adotando avanços no campo digital, os bancos tradicionais também estão incorporando essas mudanças dentro das estratégias de marketing e de serviços oferecidos.

É preciso fazer parte dessa renovação, para que não haja nenhum tipo de prejuízo quanto ao crescimento.

Assim, ninguém perde a oportunidade de construir fidelidade à marca entre os consumidores que estão cada vez mais inseridos no mundo online

Ao adotar as tendências e previsões apresentadas, os profissionais de marketing financeiro podem trabalhar para mudar essa percepção, tendo como foco o cliente, levando em consideração a personalização e melhora do processo de comunicação e promovendo processos mais qualificados.Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Business Connection, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.