Quarta, 01 DE dezembro DE 2021

Tire suas dúvidas sobre o uso das cadeias de consagração

Publicado em:

16 de
nov
Categorias: Notícias.

A consagração ou escravidão de amor a Jesus pelas mãos de Maria é uma devoção muito antiga e é muito importante para a igreja e para a vida dos cristãos.

Consagração é a escravidão total a Maria, que significa entregar tudo o que temos e somos nas mãos da VirgemMaria, para que assim possamos pertencer a Jesus.

Esta consagração, ou escravidão de amor a Nossa Senhora, tem como objetivo nos unir a Jesus Cristo e o crescimento na graça de Deus. 

A maior intimidade com Jesus, pelas mãos de Maria, nos auxilia a entender melhor os planos de Deus e cumprir a Sua vontade em nossa vida.

A princípio, a consagração total a Maria, pode até parecer que está contra o catolicismo, pois tem Cristo como centro. 

Mas São Luís nos ensina que a consagração a Nossa Senhora não se opõe à fé em Jesus, mas nos leva viver com fidelidade os mandamentos da lei de Deus. 

Quem faz a consagração se compromete a ser fiel às promessas do batismo e renunciar ao pecado, e viver uma vida nova que agrade a Cristo. 

Esta entrega nas mãos de Maria, é como uma ajuda para viver uma vida nova, pois Ela entregará tudo nas mãos de Cristo, que nos fortalecerá na graça.

O que é as correntes de consagração?

As cadeias de consagração ou correntes, são como sinal da consagração de amor a Jesus Cristo e a Nossa Senhora. 

A  fama da consagração ou escravidão de amor a Jesus Cristo e a Nossa Senhora tem causado dúvida e algumas vezes espanto, especialmente porque as pessoas que se consagram, começam a usar correntes sem nenhum brilho.

As correntes ou cadeias de consagração precisam ser abençoadas por um padre, pois é sacramental, que significa um sinal que podemos ver de uma realidade invisível.

A consagração a Nossa Senhora é a maneira mais plena de uma perfeita devoção à união com Cristo pelas mãos da Virgem.

Muitos jovens se denominam escravos de Nossa Senhora, mas primeiramente precisamos entender o que é ser escravo da Virgem Maria. 

Pois, algumas pessoas podem não ter uma visão não muito agradável da palavra  escravidão e isso pode dificultar a reconhecermos o que é realmente a consagração.

Na Bíblia, consagração significa dedicar algo ou alguém a Deus. 

Quando uma pessoa é consagrada, o prazer dela é servir a Deus e fazer tudo para o agradar. 

Um bom exemplo disso que comprou a cadeia foi a empresa Mega Construtora que trabalha com Obras comerciais goiânia e pode construir sua residência.

Alguns exemplos que podem ser consagrados:

  • Pessoas

  • Ministérios

  • Objetos

  • Alguns dias

  • Ofertas


A consagração é um ato importante, pois marca a mudança na vida da pessoa.

Se consagrar a Deus quer dizer dizer não para o pecado e se dedicar a agradar a Deus em toda maneira de viver.

Tem também a GC Construtora que trabalha com a Construtora e pode te ajudar.

Ser consagrado ou escravo de Jesus pelas mãos de Maria, significa pertencer ao Filho de Deus e a sua Mãe Santíssima, se entregar por inteiro, por puro amor, sem hesitar.

Algumas correntes podem não ser percebidas, pelo fato de serem bem simples e sem nenhum brilho.

Mas, outras já chamam mais a atenção, pois são de ferro, mais grossas, e lembram a escravidão e pode causar reações de espanto nas pessoas.

Sabemos que muitas pessoas desconhecem o verdadeiro significado da consagração e o real motivo para o uso das cadeias, por isso acabam não tendo uma boa visão desse método.

Ser consagrado ou escravo de Jesus em Maria, significa pertencer ao Filho de Deus e a sua Mãe Santíssima, se entregar totalmente sem hesitar.

Pertencer a Cristo e a sua Mãe é um privilégio, e com isso faz de nós verdadeiras propriedades, por isso a consagração pode ser parecida à escravidão, pois os escravos também pertenciam aos seus senhores.

Mas, a relação entre senhor e escravo não é a mesma na consagração, pois esta é uma escravidão de amor. 

Na escravidão que viamos antigamente, o senhor comprava os escravos com dinheiro e se tornava seu dono usar para o trabalho pesado, sem nenhuma recompensa por isso. 

No caso da escravidão a Maria, Jesus Cristo não nos comprou com dinheiro, mas fomos comprados com seu próprio sangue.

Na Cruz, Jesus deu sua vida por amor a cada um de nós, por isso pertencemos a Ele.
[comment-form]

 

Outras Notícias

5 dicas de como economizar para viajar
Tire suas dúvidas sobre o uso das cadeias de consagração
Saiba tudo sobre as carabinas de pressão
Benefícios de tomar água com limão diariamente
O que não pode faltar dentro de um projeto de obra