Saúde

Alimentos que ajudam a aumentar a imunidade 

Conhecer os alimentos ricos em nutrientes é importante para ter uma qualidade de vida e ajudar a aumentar a imunidade.

Uma alimentação balanceada é fundamental para a saúde de qualquer pessoa.

O que é imunidade?

Imunidade é a capacidade do organismo se defender de invasores como vírus, bactérias ou fungos que possam provocar doenças.

Quando a imunidade está baixa, nos sentimos fracos e somos mais propensos a contrair infecções.

A imunidade funciona como uma barreira contra as ameaças de infecções, por isso, quando esse sistema não está funcionando como deveria, deixam de produzir anticorpos de forma eficaz, e o organismo fica mais vulnerável.

Se você percebeu que sua imunidade está baixa, uma ótima alternativa é consumir mais verduras e legumes.

É importante ajustar suas refeições, e apostar em alimentos ricos em vitaminas, minerais que auxiliam na manutenção do sistema imunológico.

Se o interior do seu corpo não está bem, o externo também estará mal. Muitas vezes dando úlceras na barriga sendo curada somente com misoprostol original.

Algumas coisas parecem que não mudam: é só o tempo ficar mais friozinho que começam os surtos de gripes e os resfriados, não é mesmo?

Muitas pessoas pensam que esta estação do ano está diretamente relacionada com a baixa na imunidade do corpo.

Mas, se engana quem pensa dessa forma! Não é bem assim que funciona. O frio não tem nada relacionado com isso.

Na realidade, o que acontece é que com a chegada do frio, as pessoas ficam mais propensas a ter doenças respiratórias.

E é claro que, com esses fatores, aquelas pessoas que já têm a imunidade baixa sofrem mais.

De modo geral, podemos dizer que a imunidade é a responsável pela proteção do organismo contra doenças.

Classificação da imunidade

A imunidade pode ser classificada em:

  • Inata

A pessoa já nasce com esse tipo de imunidade, e ela está sempre presente em pessoas saudáveis.

Ela age muito rápido, bloqueando a entrada de microrganismos e combate os que conseguem entrar.

Caracteriza-se por barreiras físicas, químicas e biológicas, por células especializadas.

  • Adquirida

Esse tipo ocorre após contato com um agente invasor, um vírus ou bactérias, por exemplo.

Após esse contato, desencadeiam a ativação de determinadas células, como a síntese de proteínas.

A imunidade adquirida pode ser dividida em humoral, principal mecanismo de defesa, é mediada por anticorpos.

E a imunidade celular, que provoca a destruição de microrganismos presentes nas células infectadas, é mediada pelos linfócitos-T.

As imunidades humoral e celular agem juntas na defesa do organismo.

A chave para manter a imunidade alta é a adoção de hábitos de vida saudáveis.

Muitas pesquisas indicam que uma alimentação saudável é essencial para qualquer pessoa, dessa maneira ela consuma os nutrientes que são essenciais para o organismo.

Falando de saúde, conheça a empresa Cyto Saúde que trabalha com a área de saúde.

Conheça os alimentos que podem aumentar a imunidade

  • Frutas cítricas

Frutas cítricas, como laranja, acerola, kiwi, são ricos em vitamina c, antioxidante que fortalece a resistência do organismo.

  • Vegetais verdes escuros

Alimentos como brócolis, couve, espinafre são ricos em ácido fólico.

Esse nutriente ajuda na formação de glóbulos brancos, podendo ser encontrados também no feijão, cogumelos e fígado.

  • Alimentos ricos em zinco

Carne, cereais integrais, castanhas, sementes e leguminosas, feijão, lentilha, ervilha, grão de bico, são ricos em zinco, responsável por combater gripes.

  •  Alimentos fonte de ômega-3

O Ômega 3, pode ser encontrado no azeite e no salmão, auxilia as artérias a não obter inflamações, ajudando a imunidade do corpo.

  •  Gengibre

Rico em vitaminas C, B6 e com ação bactericida, o gengibre é um poderoso nutriente que ajuda a tratar inflamações da garganta e aumenta as defesas do organismo.

  •  Alho

O alho, além de dar sabor aos alimentos, ajuda a reduzir e diluir o muco nos pulmões, muito eficaz contra tosse e bronquite.

Inclusive, o alho pode ser consumido junto a antibióticos. Por se tratar de um alimento rico em vitamina A, C e E, ajuda a fortalecer o sistema imunológico.