Quarta, 01 DE dezembro DE 2021

Michelle Bolsonaro quer continuar defendendo as pessoas deficiente

Publicado em:

21 de
nov
Categorias: Notícias, Populares e Topo. Tags: Brasil, Michelle Bolsonaro, Obras, Presidente, Primeira Dama e Social.

A futura primeira-dama Michelle Bolsonaro declarou que pretende continuar atuando com projetos sociais após a posse do marido, o presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL).


A declaração foi feita por Michelle ao chegar em Brasília na manhã desta quarta-feira (21) para cumprir agenda de visitas ao Palácio do Alvorada e à Granja do Torto ao lado da atual primeira-dama, Marcela Temer.


"Devo atuar em todos os projetos sociais possíveis porque era algo que eu já fazia antes de me casar. Eu tenho um chamado para ação social", declarou ao chegar ao CCBB (Centro Cultural Banco do Brasil), onde funciona o gabinete do governo de transição do presidente eleito.


Questionada se deve trabalhar em algum setor específico, Michelle respondeu que deve atuar com a "comunidade surda, pessoas com deficiência e portadores de síndromes, foi algo que Deus colocou na minha vida, no meu coração".


Michelle e Marcela devem visitar juntas as duas residências oficiais: o Palácio do Alvorada e a Granja do Torto. A futura primeira-dama pretende verificar como são os locais e o funcionamento.


A Granja do Torto, desde que o presidente Michel Temer assumiu, é pouco utilizada e fica afastada da Esplanada dos Ministérios e da Praça dos Três Poderes, onde fica o Palácio do Planalto, local de trabalho do presidente da República.



Sobre a escolha da futura residência, Michelle afirmou que deve escolher o menor local. "Tenho uma filha de 7 anos, quero que ela se sinta mais à vontade, mais confortável". Ela afirmou ainda que deve começar a procurar escola para a filha na próxima semana, quando retorna à capital federal.


Na quinta-feira (22), a futura primeira-dama deve se reunir com os organizadores da solenidade de posse, marcada para 1º de janeiro de 2019, para saber dos detalhes e fazer observações. De acordo com assessores, Michelle Bolsonaro deverá ficar em Brasília até sexta-feira (23) pela manhã. Ela e o marido foram convidados para o casamento do ministro extraordinário da transição, Onyx Lorenzoni, na quinta-feira à noite, em Brasília.



GospelMund.Com


[comment-form]

 

Outras Notícias

5 dicas de como economizar para viajar
Tire suas dúvidas sobre o uso das cadeias de consagração
Saiba tudo sobre as carabinas de pressão
Benefícios de tomar água com limão diariamente
O que não pode faltar dentro de um projeto de obra